segunda-feira, 23 de março de 2015

EVOLUÇÃO DA EXPECTATIVA DE VIDA

20/13/2015

O mais recente estudo Global Burden of Disease (GBD), no qual a Organização Mundial da Saúde (OMS) compila uma série de dados sobre a qualidade de vida e o estado de saúde da população global, aponta um aumento na expectativa de vida em ambos os sexos. O trabalho, publicado na última edição do jornal The Lancet, detectou um acréscimo de 5,8 anos no tempo médio de vida dos homens e 6,6 anos no das mulheres, entre 1990 e 2013.

A tendência acompanha a diminuição da incidência de várias doenças que tiram a vida de milhares de pessoas todos os anos, como diarreia, infecções do trato respiratório inferior e distúrbios neonatais, o que, segundo os cientistas, ajudou a estender a vida das pessoas principalmente nos países de baixa renda. Em lugares como Nepal, Ruanda, Etiópia, Níger, Maldivas, Timor Leste e Irã a expectativa de vida apresentou um aumento de mais de 12 anos para ambos os sexos. Já nas regiões com alta renda, observou-se mais a queda de taxa de mortalidade ligada a diversos tipos de câncer (redução de 15%) e as doenças vasculares (22%).



No Brasil, as mulheres vivem, em média, 7 anos mais que os homens.
Veja o seguinte vídeo:

O declínio da morte 

A imortalidade em breve? 

por Alexandre Laurent


Nota
aperte no botão LEGENDAS para ler a tradução simultânea.

Cirurgião e urologista, Laurent Alexandre é autor em 2011 de um ensaio intitulado "The Death of Death". Ele está interessado, hoje, nas convulsões que a humanidade vai experimentar devido ao progresso da ciência na área da biotecnologia.

====


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Busca pelo mês

Almir Quites

Seguir por e-mail

Wikipedia

Resultados da pesquisa