domingo, 31 de dezembro de 2017

Nós e o universo

Por Almir M. Quites



Começo este artigo por um poeminha que escrevi em 1999 e publicado em POEMAS QUE BROTARAM EM MEU CAMINHO (Editora Soldasoft, 2009). Segue o poema:

A CASA DE DEUS

Não cultue a imensidão.
Deus está nos miudinhos.
Até mesmo o infinitão
É feito de infinitinhos

Pois o infinito de lá, 
supragigainfinito,
é feito com o de cá, 
o infrananoinfinito.


Deus é um veredicto cultural de predominância indiscutível no mundo. Os crentes acreditam e acreditarão até o fim que Deus é alguém que reside no alto, na graúda imensidão cósmica. Meu poema diz que há um outro lado, tão infinitamente grandioso quanto o de cima, é o lado dos miudinhos.    

A ideia central é válida, mas cometi um erro relativo as dimensões! Pois, é! O meu supragigainfinito ainda era muito pequeno e o meu infrananoinfinito ainda era muito muito grande! Tanto o infinito da cá como o de lá são muito maiores do que meu poema sugeria!

Na verdade o universo conhecido já se desdobra tanto no infrayoctoinfinito (1 yoctômetro = 0,000.000.000.000.000.000.000.001 metro) como no suprayottainfinito (1 yottametro = 1.000.000.000.000.000.000.000.000 metros).

As menores partículas que já foram identificadas são os fótons e os glúons. São tão pequenas que se considera que podem não possuir massa, o que significa que podem não ser partículas. Temos aí uma dualidade: ser e/ou não ser!

Entre as menores partículas que possuem massa mensurável está o neutrino, com cerca de 4 x 10-33 grama (
1 bilionésimo de trilionésimo de trilionésimo de grama), ou seja, o neutrino é 100 milhões de vezes menor que o próton, que tem 1,67 x 10-24 grama. 

A dimensão dos neutrinos é da ordem de 1 zeptômetro = 0,000.000.000.000.000.000.001 metro.

Para poder entender estas ordens de grandeza, imagine que o próton seja uma bolinha de gude. Neste caso, um átomo seria do tamanho do estádio do Maracanã. Colocando prótons em linha reta, seria necessário encostar 50.000.000 (
50 milhões) deles para poder formar uma linha de apenas 1 centímetro de comprimento e 5.000.000.000.000 (5 trilhões) para completar 1 metro.

Se considerarmos como ser vivo somente sistemas formados por biomoléculas (
formadas por carbono, hidrogênio, oxigênio e nitrogênio), então, os menores seres vivos conhecidos são as bactérias e os vírus. A menor bactéria possui 0,21 mícrons. Os vírus tem dimensões da mesma ordem que a citada bactéria. Eles possuem de 0,010 a 0,350 mícrons de diâmetro e comprimento de até 2 mícrons.

Um mícron é um milionésimo de um metro.

O ser humano é cerca de 8 milhões de vezes maior que a citada bactéria e 8 milhões de vezes menor que o diâmetro do planeta Terra.

A nossa Lua tem 3474,8 Km de diâmetro equatorial. A Terra tem 12.756 Km!

O quilômetro é 1.000 vezes maior que o metro.

E há quem acredite que o ser humano seja o ser mais perfeito do universo! O infinito de cá existe inclusive dentro de cada ser vivo! Há seres vivos dentro de cada ser humano, desde uma simples célula de qualquer de nossos órgãos, até 
os microorganismos que nos ajudam e protegem. Nosso planeta também depende de microorganismos pois, sem eles, não teríamos o oxigênio que nos é vital, a temperatura não seria adequada para a nossa vida e assim já estaríamos extintos.

Na verdade, diante da grandeza do universo de lá e de cá, somos algo como nada, ou seja, muito menos do que imaginamos ser um microorganismo para o cotidiano de nossa vida, aliás muito menos ainda, muito menos do que chamaríamos de fermiorganismo.

O fermi
 é a menor unidade de medida de comprimento do Sistema Internacional (SI) de medidas, a qual equivale a 10−15 metros, ou 0,000000000000001 metros. O que é o metro diante da grandeza do cosmo?


Aí está uma partícula do universo, um seixo rolante, denominado Planeta Ceres.
Ceres é um planeta anão, localizado no cinturão de asteroides entre Marte e Júpiter,
sendo o maior dos asteroides.

Cada ser humano é um sistema composto de moléculas orgânicas e inorgânicas, absolutamente dependente de seu meio ambiente, o qual também é um sistema vivo, dependente de um outro super sistema que é o seu próprio meio ambiente e assim por diante.

Nós, seres humanos, não temos a menor ideia sobre a estrutura de múltiplos universos, resumidamente um multiverso! Quantos múltiplos do nosso universo existem? Quantos múltiplos do multiverso existem? Como diferem entre si?

Agora, tendo esta noção de tamanhos, veja os vídeo abaixo, sobre as dimensões dos astros, embalado com a música "Alpha" de Vangelis (
música eletrônica de 1981, da série de TV COSMOS, gênero Nova Era). Vangelis é um músico grego do estilo neoclássico. Sua composição mais conhecida é o tema vencedor do Oscar de 1981, com o filme Chariots of Fire (Carruagens de Fogo).  


====


Todas as partes do universo sentem o seu meio ambiente, inclusive o ser humano, como uma de suas partes. Quando pensamos, o universo está tentando se conhecer!

O que é mais perfeito no universo? 

Nada pode ser mais perfeito ou mais importante ou mais poderoso se não for em relação a algo. Esta pergunta não tem resposta honesta. A lógica não pode estar a serviço de interesses pessoais, por mais bonitos que pareçam.

Continue lendo aqui:
NÓS E A CIÊNCIA
http://almirquites.blogspot.com.br/2017/03/nos-e-ciencia.html


𝓐𝓵𝓶𝓲𝓻 𝓠𝓾𝓲𝓽𝓮𝓼
Almir Quites
`°•○●□■♢《 ∀Ϙ 》♢■□●○•°`


OUTROS ARTIGOS SOBRE DE CIÊNCIA
Clique no "link" para acessar o artigo.



___________________________________________________
Aviso sobre comentários 
Comentários contra e a favor são bem vindos, mesmo que ácidos, desde que não contenham agressões gratuitas, meros xingamentos, racismos e outras variantes que desqualificam qualquer debatedor. Fundamentem suas opiniões e sejam bem-vindos. Por favor, evite o anonimato! Escreva o seu nome no final do seu comentário.
Não use CAIXA ALTA, isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente.
Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
______________________________________________________
 COMPARTILHE ESTA POSTAGEM 

USE OS BOTÕES ABAIXO

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Busca pelo mês

Almir Quites

Seguir por e-mail

Wikipedia

Resultados da pesquisa