sexta-feira, 16 de outubro de 2015

A pátria em colapso total

Almir Quites - 15/10/2015


A situação é tão grave que, se houvesse um mínimo de ética,  nossos governantes pediriam demissão por moto próprio, para dar uma chance ao país. 

O Brasil está envolto em sérios problemas, desde os causados pela falta de ética pessoal até as grandes questões econômicas e institucionais. No entanto, está morbidamente paralisado. O colapso do país é evidente. 


O atual governo já evidenciou a total irresponsabilidade com os recursos públicos. Para arrecadar mais, ele é capaz de "fazer o diabo", como emitir dinheiro,  aumentando a inflação, criar novos impostos absurdos, vender nossas empresas, nossos mananciais, nossas jazidas e até partes do território nacional.

O governo não tem vergonha de repassar para o povo a conta de seus crimes e de sua própria incompetência. Observe que  a caríssima propaganda governamental, transmitidas pelas redes de TV, continuam. Nem nesta hora tão grave, cogita-se de acabar com este gasto inútil de recursos públicos. Nossos recursos! E haja mentiras nestas propagandas, tanto quanto nas declarações ao vivo da presidente, como nas do ex-presidente!

Para salvar o Brasil não basta alcançar o equilíbrio fiscal. Para isto, o povo já pobre será condenado a pagar o enorme déficit atual, mas, com o PT no governo, a dívida voltará a crescer e o descalabro administrativo também. 

A sociedade deve repudiar a volta da CPMF. Antes de aceitá-la, é preciso que se faça uma auditoria profunda das contas do governo. A sociedade precisa saber o que o foi feito dos vultosos recursos que o governo arrecadou. O governo tem obrigação de facilitar a auditoria, inclusive no BNDES. Os responsáveis pela evasão dos nossos recursos devem ser punidos. Sem isso, é indecente aceitar a CPMF.

Se a população não está disposta a aceitar mais aumento de impostos, para tapar o buraco do roubo e da incompetência, então deve se mobilizar para exigir o impeachment.

Aliás, aqui tem-se mais um absurdo. Um pedido de impeachment não deveria nunca ser engavetado e assim permanecer por mais de uma semana. Isto é anti ético, abuso de poder. Além disso, para que o encaminhamento seja negado, as razões disto devem ser esclarecidas formalmente. Tão simples! Chega a ser incompreensível que ainda não compreendamos coisas tão óbvias! 

As debilidades institucionais continuam se evidenciando. Recentemente vimos o STF, mais uma vez, metendo-se em assuntos internos do Poder Legislativo, atendendo a recursos sobre questões que ainda não tinham esgotado as instâncias internas da Câmara. O STF concedeu liminar que suspende o rito de impeachment, definido pelo Presidente da Câmara. No entanto,  o certo é que a matéria não é de competência do STF, talvez do STJ, mas até isto é discutível. 

Trata-se de evidente usurpação das prerrogativas de Poder Legislativo pelo Poder Judiciário. Se cada desentendimento dentro do Congresso for decidido pelo Judiciário, então o Congresso estará sob tutela, submisso. O princípio constitucional da separação dos poderes vai para o lixo.

O Brasil está cada vez mais parecido com a Venezuela. A saúde do Brasil vai de mal a pior e amargos remédios são necessários.  Todos se perguntam: "Tem cura? Ainda tem cura?"

Sobre a gravidade da doença do Brasil e os remédios necessários, leia este pequeno artigo. Aqui:
A PATOLOGIA DO BRASIL
http://almirquites.blogspot.com.br/2015/10/patologia-do-brasil.html

A última: "Dilma só praticou o crime das pedaladas por amor aos pobres" (Lula)
Acredite, grande parte dos brasileiros vão acreditar nisso!
FONTE: http://veja.abril.com.br/blog/augusto-nunes/direto-ao-ponto/a-ultima-do-lula-dilma-so-derrapou-nas-pedaladas-criminosas-por-amor-aos-pobres/
¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨

Lula ensinando os "cumpanheros" a mentir.
====




Os mesmos líderes petistas, que hoje criticam a oposição ao pedir o impeachment da Dilma, pediram, em 1999, sem qualquer fundamentação jurídica, o afastamento do FHC!
video

---------------------------------------------------------

QUEM PAGARÁ? CLARO, O POVO!

__________________________________________________
"""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""""
Aviso sobre comentários:
Comentários contra e a favor são bem vindos, mesmo que ácidos, desde que não contenham agressões gratuitas, meros xingamentos, racismos e outras variantes que desqualificam qualquer debatedor. Fundamentem suas opiniões e sejam bem-vindos.

Por favor, evite o anonimato! Escreva o seu nome no final do seu comentário.
Não use CAIXA ALTA, isto é, não escreva tudo em maiúsculas, escreva normalmente. 
Obrigado pela sua participação!
Volte sempre!
___________________________________________________________
¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Busca pelo mês

Almir Quites

Seguir por e-mail

Wikipedia

Resultados da pesquisa